Cidadãos criam Movimento Cívico para Salvaguarda do Património Ferroviário do Barreiro

O Movimento Cívico de Salvaguarda do Património Ferroviário do Barreiro, nasce da necessidade de juntar vontades em torno de preocupações comuns sobre a defesa e promoção do Património Ferroviário do Barreiro, o qual se encontra numa situação de abandono e incerteza quanto ao seu futuro.

O Movimento, independente e apartidário, pretende desenvolver a sua acção, focada na promoção, defesa e classificação do Património Ferroviário, pois este faz parte da memória colectiva e da história do povo do Barreiro.

Na opinião deste grupo de cidadãos, o abandono a que parte das instalações ferroviárias já estão votadas, consequência da retirada de valências ao Barreiro em termos operativos e oficinais, que tem significado a perda de postos de trabalho, é uma situação que urge denunciar.

São estas preocupações que nos unem em torno deste movimento, porque entendemos que os barreirenses não podem ficar indiferentes ao abandono e destruição do património ferroviário desta terra, porque ele faz parte integrante das suas memórias, da sua história.

Só interessa cuidar do património e da memória se houver vida no presente e perspectivas de futuro. O paradigma deverá ser assegurar no presente, os interesses da população e da economia regional, projectando para o futuro as iniciativas que melhorem a qualidade de vida dos portugueses em geral e da região do Barreiro em particular.

Este movimento cívico inicia a sua actividade com um blogue, ( http://patrimoniobarreiro.blogspot.pt/ ) e com uma petição onde apela a vários organismos e às empresas proprietários do património,  nomeadamente:

Que sejam tomadas medidas para a preservação, combate ao abandono e vandalização do património ferroviário edificado e técnico (locomotivas ferramentas e peças).

Que seja elaborado o processo para a classificação de interesse municipal e/ou nacional das diversas construções ferroviárias existentes no Barreiro, designadamente: antigo edifício da Estação dos caminhos de Ferro (actuais oficinas da EMEF), Estação Ferro-Fluvial, Rotunda das Máquinas, Armazém regional e Bairro Ferroviário que constituem elementos de valor histórico, patrimonial e técnico inestimável.

Que na área de afectação ferroviária do Barreiro, seja feito um estudo global no âmbito do Plano Director Municipal (PDM), equacionando a problemática da preservação e suscitando um pedagógico contributo dos Barreirenses; Associações, Sindicatos, Comissão de Trabalhadores, ferroviários e população, preparando simultaneamente dossiês para eventual candidatura a apoio Internacional.

Sendo um movimento aberto, apela-se a todos os cidadãos que tenham as mesmas preocupações, que adiram ao movimento e participem, assinando e divulgando a  petição e esta causa.

A valorização do património ferroviário do Barreiro, enquanto memória do passado e ponte para o futuro! 

Movimento Cívico de Salvaguarda do Património Ferroviário do Barreiro

Assinar Petição: http://www.pnetpeticoes.pt/patrimonioferroviariobarreiro/

6 Responses to "Cidadãos criam Movimento Cívico para Salvaguarda do Património Ferroviário do Barreiro"

  1. Manuela Fonseca  06/16/2012 at 22:13

    Se não nos unimos, levam o resto, às costas ou de camião!

    Responder
  2. maria custodia rodrigues  07/01/2012 at 19:32

    Adiro com todo o gosto! já tenho falado muito nessa situação.

    Responder
  3. BARRAGON-BARREIRO  07/05/2012 at 15:10

    O PALACIO DO COIMBRA,O PREDIO DOS FERROVIARIOS E AS CASAS DO BAIRRO FERROVIARIO,QUANDO ESTES ATRASADOS MENTAIS E MENTECAPTOS,QUE PASSARAM A MANDAR NESTES TERRENOS DO CHAMADO PALACIO DO COIMBRA,POR USUCAPIÃO,POR NÃO SE TEREM ENCONTRADO OS VERDADEIROS HERDEIROS DESSE PATRIMONIO DO INDUSTRIAL DE TABACOS,LISBOETA,JOÃO PEDRO COSTA COIMBRA,CONSEGUIREM CORRER COM AS PESSOAS,TRABALHADORAS FERROVIARIAS QUE PAGAVAM AS SUAS RENDAS A C.P. E CONSERVAVAM AS CASAS,COM OBRAS E PINTURAS,MANTENDO ESSE PATRIMONIO INTACTO,LIMPO E HABITADO,COMO O BAIÃO,O FERNANDO OLIVEIRA,O SOUSA,O DORES,O RODRIGUES(MAQUINAS),O RODRIGUES(ELECTRICISTA)O LEITÃO,O MACHADO,O LUIS,O ALVES,O CARRAPIÇO,O ARSENIO,O BATISTA,O TEIXEIRA,O BICAS,O ANIBAL,O FELISBERTO,O ANTUNES,O PEREIRA,O GOMES,O VAZ,O CIPRIANO,ETC.
    VIVERAM AI COM AS SUAS FAMILIAS E ONDE NASCERAM E CRIARAM OS SEUS FILHOS
    E SEM CONTAR COM TODOS OS QUE POR LA HABITARAM,E AJUDARAM A PRESERVAR,ESSE RICO PATRIMONIO DO BARREIRO E DOS BARREIRENSES.
    SE ISTO FOR ABANDONADO,DAQUI A ALGUNS ANOS,ESTARÃO AS PORTAS E JANELAS EMPAREDADAS,DEPOIS DE TUDO O QUE E FERRO,ALUMINIO E INOX TER SIDO ROUBADO E DESTRUIDO(ONDE E QUE EU JA VI ESTE FILME).
    ARMAZEM DE VIVERES NO BARREIRO-A,EMPAREDADO.
    DORMITORIO DO BARREIRO-A,EMPAREDADO.
    CANTINA,FUNDIÇÃO,ESTAÇÃO DO BARREIRO-A,DESTRUIDOS.
    EDIFICIO DOS ANTIGOS BOMBEIROS DO SUL E SUESTE,JA ESTA MEIO EMPAREDADO.
    ARMAZENS REGIONAIS E DE MATERIAIS,MEIO DERRUBADOS E MEIO EMPAREDADOS.
    ANTIGO DEPOSITO DA TRAÇÇÃO DO BARREIRO,EMPAREDADO.
    ROTUNDA OU REDONDA,ABANDONADA.
    ESTAÇÃO DO BARREIRO-MAR,A FICAR DETERIORADA,DESTELHADA E MEIO ABANDONADA,E NÃO ESTA TOTALMENTE,POR AINDA SE ENCONTRAREM AI A TRABALHAR OS MAQUINISTAS,REVISORES ,INSPECTORES E PESSOAL DE LIMPEZA DA LINHA DO SADO.
    AS OFICINAS DO 3º GRUPO OFICINAL DO BARREIRO,CUJA FRONTARIA FOI A PRIMEIRA ESTAÇÃO FERROVIARIA DO BARREIRO,COM MENOS OPERARIOS A TRABALHAREM NO SEU INTERIOR,COM MENOS TRABALHO,VÂO TER A TENDÊNCIA DE FECHAR,DE SEREM DESTRUIDAS,PARA NO SEU LUGAR SE CONSTRUIREM MAIS UNS QUANTOS MAMARRACHOS.
    OS EDIFICIOS DA DOCA,ESTÃO ABANDONADOS,EMBORA TENDO ALGUMA ACTIVIDADE,POR PARTE DOS PESCADORES DA ALBURRICA.

    Responder
    • Rute  07/27/2012 at 22:27

      Pois, tudo isto é uma verdade.
      Mas em primeiro lugar, antes de escrever, temos que ter um pouco de bom censo e desermimento por todas as pessoas.

      Por não habitarem não quer dizer que as casas estão ao abandono!

      Mas afinal, a maioria dessas pessoas que foram nomidadas pagam as respectivas rendas???? ou apoderaram se dos terrenos dos outros para fazerem hortas, e alem disso nem são trabalhadores da CP.

      Antes de escrever qualquer coisa que seja, informe se primeiro.

      Responder
      • BARRAGON-BARREIRO  07/30/2012 at 22:13

        INFORME-SE PRIMEIRO,SOBRE MIM,PORQUE INFORMADO SOBRE OS FERROVIARIOS QUE HABITAM AS CASAS DO PALACIO DO COIMBRA,JA EU ESTOU HA MUITOS ANOS,E PARA SABER QUEM EU SOU,E HA QUANTOS ANOS,TRABALHO NA C.P.PRIMEIRO COMO OPERARIO DO 3º GOB,NA BOBINAGEM, E DEPOIS COMO MAQUINISTA,SEMPRE NO DEPOSITO DO BARREIRO,E PERGUNTE A TODOS OS FERROVIARIOS PELO MAQUINISTA BARRAGON,QUE ELES DIR-LHE-AO QUEM EU SOU E O QUE FAÇO AQUI,VOCE POR ACASO NÂO ME CONHECE PARA SABER O QUE EU SEI SOBRE O PALACIO DE COIMBRA E AS CASAS FERROVIARIAS E QUEM AS HABITA E HABITOU,POIS FIQUE A SABER QUE EU CONHECI TODOS OS FERROVIARIOS QUE TÊM HABITADO ESSAS CASAS,DESDE ANTES DO 25 DE ABRIL,PORQUE VI PARA O BARREIRO,COM 6 ANOS E VOU A CAMINHO DOS 59.
        TODOS OS NOMES QUE REFERI ATRAS,SÃO GRANDES CAMARADAS DE TRABALHO,QUE COMIGO LABUTARAM E LABUTAM AINDA NA NOSSA C.P. E NÃO FORAM TODOS NOMEADOS,AINDA AI FALTAM MUITOS FERROVIARIOS QUE JA FALECERAM OU REGRESSARAM AS SUAS TERRAS.
        E FIQUE SABENDO QUE PERTENÇO A COMISSÃO DE DEFESA DO PATRIMONIO FERROVIARIO DO BARREIRO,E QUE ESTIVEMOS REUNIDOS NA ESTAÇÃO VELHA DO BARREIRO ,ONDE REUNIMOS COM ALGUNS DOS MORADORES DAS CASAS DO PALACIO DO COIMBRA,E POR ACASO NÃO A VI POR LÁ,OU NÃO A CONHECI.
        DA-ME A ENTENDER QUE VOCÊ NÂO PERCEBEU,O QUE ESCREVI NO COMENTARIO ANTERIOR.

        Responder
  4. Rute  07/31/2012 at 11:03

    O que eu escrevi, não foi em relação á sua pessoa.
    Nem iria escrever algo sem conhecer.
    Claro que estamos todos indignados ao que está acontecer com o património das casas do Palaácio de Coimbra.
    Eu criei as minhas raizes aí desde os meus dois anos de idade.
    Já é algum tempo, e já se cria afeição ao sitio onde crescemos.

    No que concerne ás reuniões que foram realizadas deviam ser dadas a conhecer a todos os moradores, porque alguns nem sabem disso.

    Não estive presente na reunião porque ninguem me informou.
    Também gostaria de estar presente, pois também me diz respeito.

    Quando houver reunião poderão deixar algum tipo de informação nas caixas do correio.

    Obrigado

    Responder

Leave a Reply

Your email address will not be published.